Festival de Dança de Cascavel define programação

25/04/2016 - 16:42
Programação prevê diversas modalidades de dança Programação prevê diversas modalidades de dança Foto: Divulgação

De 15 a 21 de maio o Teatro Municipal de Cascavel volta a ser palco de um dos eventos mais aguardados da região. É o 27º Festival de Dança de Cascavel, que nesta edição reserva dezenas de novidades e um repertório de espetáculos que vão do balé clássico às danças típicas, com coreografias que enaltecem a cultura e a arte tanto de artistas locais como de renomados bailarinos brasileiros.

Além dos espetáculos, o 27º Festival de Dança terá uma extensa programação, com mostras de danças de escolas locais, workshops, oficinas e batalhas de danças. A Secretaria de Cultura divulgou hoje (25) a programação do evento e abriu a venda de ingressos, além de colocar à disposição a retirada dos convites para os espetáculos com entrada gratuita, confira!

Verdades do Olympo

Espetáculo com entrada gratuita, “Verdades do Olympo” marcará o pré-lançamento do 27º Festival de Dança no dia 13 de maio, às 20 horas. Numa produção local do Studio Leandra Vagliatti, mitos gregos, deuses e semideuses incitam uma comparação entre a mitologia e a realidade. As entradas já podem ser retiradas gratuitamente na rede OK Ingressos.

Rakataca!

O Festival será aberto oficialmente no dia 15 de maio, às 20 horas, com o espetáculo “Rakataca!”, da Caio Nunes Cia de Dança, do Rio de Janeiro.

Com coreografia e direção assinadas por Caio Nunes, o espetáculo mescla balé e jazz contemporâneos. Embalado por ritmos tribais, tem forte apelo teatral e busca narrar de forma performática a trajetória do homem e seus anseios cósmicos.

Os ingressos estão disponíveis na rede OK Ingressos com valor de 20 reais (inteira) e 10 reais (meia-entrada).

Espetáculos folclóricos

Folclore e danças tradicionalistas de Cascavel estarão no palco do Teatro no dia 20, a partir das 20 horas, quando o público poderá prestigiar, gratuitamente, a três apresentações alternadas.

A noite estará a cargo do Grupo de Dança Gauchesca Estância Colorada, do Grupo Folclórico Ladri di Cuori (cultura italiana) e do Grupo Folclórico Sonhaneck (cultura ucraniana).

“A ideia é fomentar o Folclore, com o intuito de preservá-lo, mantendo viva a tradição desses povos que colaboraram com a construção da cultura de nosso Município”, explica a coordenadora do Festival de Dança, Katiane Viel.

As entradas também já podem ser retiradas na rede OK Ingressos, gratuitamente.

Gala Bolshoi - Príncipe Igor

De volta a Cascavel, a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil é quem marcará o encerramento do 27° Festival de Dança de Cascavel nos dias 21 e 22 de maio, às 20 horas. Em duas noites será apresentado ao público todo o virtuosismo e a beleza do espetáculo “Gala Bolshoi”. Os ingressos já podem ser adquiridos pela rede Ok, no valor de R$ 100,00 (inteira) e R$ 50,00 (meia-entrada).

Esta é a segunda vez que a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil - localizada em Joinville/SC - apresenta no Município a arte da dança com um espetáculo vibrante. A primeira foi em abril de 2015, marcando a inauguração do Teatro Municipal de Cascavel.

O espetáculo Gala Bolshoi trás ao palco um elenco de 55 bailarinos e alunos da Escola Bolshoi. A apresentação é composta por dança contemporânea, dança a caráter e trechos de renomados balés de repertório que proporcionam ao público diferentes tipos de emoções e uma mistura de ritmos contagiantes. As coreografias da Gala destacam o principal talento de cada um dos bailarinos, levando ao público o resultado do trabalho diário realizado. Além disso, os bailarinos apresentam as danças polovitzianas extraídas da ópera “O Príncipe Igor” que são de grande beleza e entusiasmo.

Danças polovitzianas da ópera “O Príncipe Igor”

A ópera foi iniciada em 1869 e só foi finalizada após a morte de seu compositor, o russo Alexander Borodin. O libreto origina-se do livro “A Saga do Exército de Igor”, que narra um episódio de invasão do sul da Rússia no século XII por um povo bárbaro e nômade conhecido como polovitzianos. A primeira versão das danças polovitzianas foi coreografada por Mikhail Fokine e teve a estreia em 19 de março de 1909, provocando um forte contraste às tendências da época.

Guerreiros surgem no cenário, o qual representa uma árida paisagem típica do nordeste asiático, e dançam em comemoração à vitória sobre seus inimigos. As coreografias fazem parte do segundo ato da obra, inspirada nas músicas do povo polovitz, habitantes da Ásia Central. As danças polovitzianas evidenciam o corpo de baile. A remontagem da Escola Bolshoi contou com a experiência de todos os mestres russos, que viveram esses personagens no Teatro Bolshoi.

Demais atrações

Ainda durante o 27º Festival de Cascavel, o bailarino da Cia. Jovem Bolshoi Brasil, Edward Nunes, e a professora da Escola Bolshoi, Larissa de Araújo, ministrarão Workshop de Dança Clássica e contemporânea. Os Workshops serão realizados no Teatro Municipal e as inscrições podem ser feitas pela internet.

Oficinas

O Festival ofertará oficinas de iniciação à dança clássica (7 a 14 anos); balé clássico iniciante (9 a 13 anos) e intermediário (acima de 14 anos); dança contemporânea (acima de 14 anos); jazz e musical jazz (acima de 11 anos); danças urbanas funk slyde system (acima de 11 anos); danças urbanas hip hop (acima de 12 anos) e body system/ballet fitness (acima de 14 anos).

A coordenação do festival selecionou profissionais de renome internacional, na área da dança, para a mesa de jurados e para as oficinas, dentre eles Luciano Biaggi, Caio Nunes, Octávio Nassur, Edward Nunes, Larissa Araújo, Malu Zardo, Mayara Muller e Luciane Lazzari.

Batalha de Danças

No dia 15 de maio será realizado na Sala de Dança do Teatro Municipal, às 14 horas, a “Batalha de Danças Urbanas”. A atividade é divida em duas modalidades “All Style”, para todos os estilos e “Kids” para crianças.

A inscrição tem custo de R$ 10,00 por dançarino na modalidade “All Style” e é gratuita na modalidade “Kids”. Deve ser feita no local, uma hora antes do início do evento.

Mostras de Danças

As Mostras Avaliativas serão realizadas de 17 a 19 de maio. As inscrições estão disponíveis até o dia 29 de abril. O resultado da seleção dos trabalhos para as mostras será divulgado no dia 2 de maio, no site do festival. Os horários e locais de apresentações dos inscritos serão publicados em edital, no dia 15 de maio.

Os gêneros avaliados vão desde o balé clássico de repertório, neoclássico; dança contemporânea; jazz, hip hop, até ritmos tradicionais brasileiros e folclóricos de imigração. A banca de jurados, composta por profissionais de renome no cenário da dança, já foi escolhida.

Todos os bailarinos que participarem da mostra avaliativa receberão certificado ao fim do evento. As cinco escolas (ou grupo, companhia, academia) consideradas destaques pela comissão de jurados da mostra avaliativa receberão um prêmio de R$ 1 mil cada. O resultado das mostras será revelado no dia 20 de maio.

As Mostras Abertas serão realizadas nos dias 16, 20 e 21 de maio. Os gêneros de dança são diversificados. “Todos os trabalhos inscritos passarão pela comissão julgadora, que selecionará para Mostra Avaliativa, Mostra Aberta, ou ambas”, explica a coordenadora do evento Katiane Viel.

A direção do festival pede para que os interessados em participar do festival leiam atentamente o regulamento do evento, disponível no Portal do Município. Mais informações podem ser obtidas na Secretaria de Cultura, pelo telefone 3902-1370.

imagens
  • cascavel 2