Trevo Cataratas na BR-277 custará R$ 85 milhões

15/06/2017 - 15:36
Deputado Nelson Padovani conheceu o projeto apresentado por engenheiros do DER e da Ecocataratas Deputado Nelson Padovani conheceu o projeto apresentado por engenheiros do DER e da Ecocataratas Foto: Julio Cesar Fernandes/Paraná Oeste

O projeto para a construção do Trevo Cataratas, na BR-277, nos sentidos de Foz do Iguaçu e Curitiba, que também dá acesso aos municípios de Cascavel e Toledo bem como à Corbélia e Norte do Paraná, foi apresentado aos deputados estaduais da Frente Parlamentar para o Desenvolvimento do Oeste na terça-feira (13) na Assembleia Legislativa do Paraná. Representantes da concessionária Ecocataratas explicaram que a obra será realizada em duas fases, num investimento total de R$ 85 milhões.

Esse trevo tem merecido atenção especial do deputado federal Nelson Padovani (PSDB). Em seu primeiro mandato o parlamentar havia conseguido viabilizar uma emenda no valor de R$ 30 milhões, mas a liberação do dinheiro acabou sendo inviabilizada por falta de um projeto no DER. Há dois meses, Padovani teve a oportunidade de conhecer o projeto atual em primeira mão, numa reunião com engenheiros do DER e da Ecocataratas.

De acordo com o diretor do DER, Nelson Leal Júnior, a obra pode ser incluída no pacote de investimentos próprios do Estado, com recursos do BID. “Os deputados podem agora promover a força política junto ao governo para que esta obra saia do papel. Temos cerca de R$ 1,5 bilhão para investimentos do BID".

Participaram da reunião ainda os deputados Adelino Ribeiro (PSL), Professor Lemos (PT), Marcio Pacheco (PPL) e Ademir Bier (PMDB).

imagens