Cascavel lidera vacinação da gripe; Paraná atingiu metade do público-alvo

15/05/2019 - 11:41

O balanço sobre a cobertura vacinal contra a gripe mostra que o Estado imunizou até o momento 55,69% do público-alvo estabelecido pela Organização Mundial da Saúde. A campanha de vacinação começou no dia 10 de abril e segue até o dia 31 de maio.

Todas as unidades de saúde, em todos os municípios, estão aplicando as doses para a imunização contra a Influenza. “Nosso apelo é para que a população busque os postos para receber a vacina, que é segura e protege contra o vírus”, afirma o secretário da Saúde do Paraná, Beto Preto.

Cascavel atinge 88,52%

A cobertura vacinal contra a influenza em Cascavel atingiu hoje (10) 88,52% de imunização, percentual que coloca o Município em primeiro lugar entre os mais populosos do Paraná. Boletim semanal divulgado pelo PMI (Programa Municipal de Imunização) aponta que a Secretaria Municipal de Saúde vacinou, em um mês de campanha, 84.869 pessoas que fazem parte dos grupos prioritários estabelecidos pelo Ministério da Saúde, aproximando-se da meta de aplicar as 95.878 doses inicialmente previstas 15 dias antes do encerramento da campanha, que segue até o dia 31 de maio. Para atingir 90%, são necessárias mais 1.425 doses.

Cidades como Londrina, Maringá, Ponta Grossa, Foz do Iguaçu e São José dos Pinhas atingiram cerca de 50% da meta; a capital do Estado está com 34,32% de cobertura até o momento. Em Guarapuava, o índice chega a 61,64% de imunização, conforme o relatório do SIPNI.

Em Cascavel, o grupo de idosos lidera a procura, com 112,29% de cobertura, seguido pelo dos professores (92,34%) e das crianças (81,15%). O grupo com menor adesão ainda é o das gestantes (70,05%).

BALANÇO

O balanço antecipado da Campanha de Vacinação no Paraná aponta que entre a população-alvo, os indígenas registram a maior cobertura vacinal, com 84,2%. Na sequência estão as mulheres que tiveram bebê há menos de 45 dias, com 77,9%; os idosos com 67,7%, as gestantes com 58,2% e as crianças entre 6 meses até 5 anos com 56,4%.

GRIPE

A gripe (Influenza) é uma infecção aguda do sistema respiratório, provocada por vírus, com grande potencial de transmissão. A enfermeira da Divisão de Vigilância do Programa de Imunização da SESA, Vera Rita da Maia, alerta para os sintomas: “A população deve estar atenta aos sinais, principalmente à febre alta repentina, infamação na garganta, tosse, dor no corpo e dor de cabeça”.

A Campanha Nacional de Vacinação se concentra neste período do ano porque a queda das temperaturas no outono e no inverno tende a aumentar as aglomerações de pessoas em lugares fechados e sem ventilação, facilitando a transmissão do vírus.

imagens