Itaipu e Copel inauguram posto de recarga de veículos elétricos

29/08/2018 - 18:09

A Itaipu Binacional e a Companhia Paranaense de Energia (Copel) inauguram nesta quinta-feira (30), em Foz do Iguaçu (PR), uma estação de recarga rápida (fast charger) de veículo elétrico que fará parte da primeira eletrovia do Estado, ligando a região Oeste a Paranaguá.

O eletroposto (como também é chamado) será instalado em frente ao Centro de Recepção de Visitantes (CRV) de Itaipu, ao lado da barreira de controle da usina. Qualquer condutor de veículo elétrico poderá carregar a bateria de seu carro no local, gratuitamente.

A solenidade terá a participação do diretor-geral brasileiro de Itaipu, Marcos Stamm, e do diretor da Copel Distribuição, Antonio Sergio Guetter. Também estarão presentes o superintendente de Smart Grid e Sistemas Especiais da Copel, Júlio Omori, e o assessor da Direção Geral Brasileira de Itaipu, Paulo Maranhão.

O projeto da eletrovia foi lançado no final de março deste ano e pretende cortar 700 quilômetros da BR-277, conectando Paranaguá a Foz do Iguaçu. No trecho, serão instalados de oito a dez eletropostos – cinco deles custeados pela Itaipu e o restante pela Copel, com recursos da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A iniciativa vai permitir ao motorista deixar o litoral do Estado e chegar a Foz do Iguaçu, abastecendo as baterias nos postos de recarga rápida instalados no caminho. A distância entre um e outro será de aproximadamente 100 quilômetros, suficientes para permitir a viagem.

Por enquanto, já foram instaladas duas estações de recarga, uma em Paranaguá e outra em Curitiba. Também estão previstas outras em Medianeira, Cascavel, Laranjeiras do Sul, Guarapuava e Irati. A expectativa é que até o final do ano todos dez eletropostos estejam em operação. O de Foz do Iguaçu será o último do trecho (ou o primeiro, se o caminho for inverso).

De acordo com o chefe da Assessoria de Mobilidade Elétrica Sustentável de Itaipu, Celso Novais, as estações da eletrovia paranaense terão três tipos de conectores e poderão atender 99% dos veículos elétricos ou híbridos vendidos hoje no mundo. Com apenas 20 minutos na tomada, aproximadamente, será possível alcançar 80% da carga.

imagens