Com Giacobo, Câmara devolve R$ 230 milhões à União

13/03/2018 - 13:56
Câmara devolve R$ 230 milhões à União Câmara devolve R$ 230 milhões à União Foto:Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados vai devolver R$ 230 milhões de recursos próprios para o Ministério da Segurança Pública investir em ações de combate à violência contra a mulher e de combate às drogas. “São R$ 200 milhões do corte de gastos e despesas da Casa e mais R$ 30 milhões de parte da venda da folha de pagamentos dos servidores de 2018. É mais um dia histórico na Câmara dos Deputados”, disse o deputado Fernando Giacobo (PR), primeiro secretário e gestor do orçamento do legislativo.

Giacobo reiterou que a Câmara faz a sua parte e se esforça para devolver os recursos em benefício da sociedade brasileira. No ano passado, o legislativo federal devolveu R$ 300 milhões ao Tesouro Nacional – recursos que estão sendo investidos em obras nos municípios brasileiros.

“Estamos economizando com a redução na conta de água e energia, nos gastos com passagens aéreas, desconto em contratos de aluguel de carros usados pelos deputados”, completou Giacobo.

EXEMPLO

O deputado paranaense ressaltou que o parlamento está devolvendo os recursos pelo segundo ano consecutivo para “dar exemplo” na racionalização das despesas. “Embora o país voltou a crescer, precisamos dar exemplo no bom uso do dinheiro suado dos impostos pago pela população”, disse.

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, participou do ato da entrega do cheque simbólico de R$ 230 milhões e afirmou que os recursos vão contribuir para combater a violência contra as mulheres. Segundo Jungmann, é importante fortalecer programas que visam combater a violência e o feminicídio.

“No Brasil de hoje, a cada 2 horas uma mulher é morta, mais de 70 mil estupros por ano, que são casos subnotificados. Quero dizer que cada centavo, cada real desses R$ 230 milhões será utilizado na defesa dessas mulheres e transformar essa cultura da violência”, completou.

imagens