Parceria com BRDE valoriza empresários e oferece novo instrumento

29/08/2017 - 14:55
Evento aconteceu na Escola de Governo Evento aconteceu na Escola de Governo Foto: Secom/Cascavel

Em edição especial da Escola de Governo desta terça-feira (29), o prefeito Leonaldo Paranhos e o vice-presidente do BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul), Orlando Pessuti, assinaram termo de cooperação técnica para facilitar a liberação de linhas de crédito do banco a micro e pequenos empreendedores já instalados ou que venham a se instalar em Cascavel.

O prefeito Leonaldo Paranhos, agradecendo a disposição de toda equipe do BRDE para formulação da parceria, lembro que "as coisas acontecem, mas precisam de dedicação e empenho". Com referência especial às entidades (Acic, Amic, CDL e a Garantioeste), Paranhos afirmou que "não consigo imaginar uma cidade com êxito, evolução e crescimento sem a parceria com os empresários que geram impostos e garantem, inclusive, as políticas públicas". Paranhos disse ainda que "precisamos voltar a reconhecer a importância dos nossos empresários; é preciso que as empresas tenham facilidade e não a burocracia que, muitas vezes a Prefeitura impõe", lembrando do recente "mutirão de alvarás, facilitando a vida dos empresários porque reconhecemos essa necessidade".

Paranhos enfatizou ainda que o "BRDE é uma marca fantástica" e a sua presença em Cascavel precisa ser comemorada porque "amplia nossa capacidade de ofertar serviços, pessoas e projetos qualificados aos empresários de Cascavel; em um momento de muita dificuldade a Prefeitura, numa parceria como essa, disponibiliza técnicos, projeto e recursos para que se possa avançar".

 "Antiga relação"

Orlando Pessuti disse que a parceria busca atender a todos os setores, desde a agricultura familiar até o comércio de micro, pequeno, médio ou grande porte, "sem estabelecer um valor porque pode variar de R$ 1 milhão a R$ 100 milhões, dependendo da demanda que surgir".

"O importante é que a partir de agora, Cascavel vai dispor de uma equipe técnica, pelo menos uns 200 técnicos do mais alto nível, sem mais a necessidade de ter que contratar uma consultoria, que agora pode buscar no BRDE, sem nenhum custo para o Município", ressaltou Pessuti, depois de falar de sua trajetória pública que tem estreita e antiga ligação com Cascavel e o Oeste do Paraná "marcada por grandes realizações e conquistas para o desenvolvimento de Cascavel e toda região Oeste"

imagens