Sábado, 04 de Dezembro de 2021
(45) 99981-0457
Cascavel Cultura

Exposição "Múltiplos Olhares" estreia no Museu de Arte

Exposição apresenta diversos pontos de vistas sobre as cidades brasileiras, pontos turísticos e releituras de outras obras.

19/08/2021 09h28
Por: Redação Fonte: Assessoria Cascavel
Exposição

A exposição “Múltiplos Olhares” estreou na última quinta-feira (12) e vai até o dia 12 de setembro, no Museu de Arte de Cascavel, MAC, onde os artistas Paulo Braz de Oliveira, Edy (Tayaa) Braum, Andrea Rampini e Vanessa Ziesmann apresentam suas obras, cada uma com uma perspectiva múltipla sobre um determinado assunto.

A artista Edy (Tayaa) Braum escolheu juntar duas áreas de seu domínio, pintura aquarela e entalhe no papelão, para dar um toque tridimensional às obras e assim retratar os belos cenários que o Brasil possui, tais como as Cataratas do Iguaçu, cidades litorâneas, montanhosas e catedrais, pois “me agrada e é preciso olhar o meu país naquilo que ele tem de bonito, há muito para se ver e naquilo que seu povo também pode manifestar a beleza”, complementa a artista.

“Essa experiência melhorou o meu modo de olhar o mundo, minhas habilidades e me dispor a enfrentar qualquer material, tanto do ponto de vista sentimental, quanto da matéria bruta”, diz a artista Edy (Tayaa) Braum.

Sobre a artista Vanessa Ziesmann, ela buscou integrar terceiros na elaboração de suas telas. Solicitou a colegas e familiares que lhe enviassem fotos de lugares que os marcaram de alguma forma e a partir dessas fotos, recriar de forma abstrata essas memórias, utilizando a técnica de colagem de fios de algodão sobre tela, que é uma técnica que ela já utiliza desde 2017 e uma paleta de cores já definida.

“Minha intenção ao convidar colegas é fazer com que eles se sintam pertencentes à criação artística, sendo eles que, indiretamente, compuseram a obra. Também permiti que cada um intitulasse sua obra”. Conta a artista Vanessa Ziesmann

A respeito da artista Andrea Rampini, seu trabalho é feito com a colagem sobre folhas de catálogos de exposição. Durante sua carreira como artista, ela recolheu vários catálogos das exposições que visitou. “A partir da desconstrução desses catálogos para a construção das colagens, me aproprio das imagens, textos que contem nas folhas e adiciono outras imagens, num jogo de composição que revela muitos significados.” Relata a artista Andrea Rampini, ela também conta que utiliza esta técnica para instigar o olhar e a percepção do público em relação à obra.

Já o artista Paulo Braz de Oliveira é artista plástico e arte Educador da Rede Estadual de e Ensino do Paraná e é natural de Corbélia. Já realizou diversas exposições coletivas e individuais nacionais, com participações em diversos salões de artes. Atualmente desenvolve um trabalho de pesquisa de formas e cores, buscando expressar a liberdade interior, as vezes sutil e ora explosiva.

A Exposição Múltiplos Olhares fica no Museu de Arte de Cascavel, no Paço das Artes, junto a Biblioteca Pública Municipal, até o dia 12 de setembro e tem sua entrada franca.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias